Publicado em

Volkswagen apresenta Novo Polo

Novo Polo: um carro de estilo jovem e carismático com design expressivo

O Novo Polo é um carro único, especialmente para o Brasil. Um modelo global que chega ao mercado nacional com design frontal exclusivo, inspirado em pesquisas com clientes brasileiros e com foco na regionalização dos produtos Volkswagen.

O Novo Polo é o primeiro veículo compacto da marca desenvolvido a partir da Estratégia Modular MQB, o que proporcionou benefícios nítidos em proporções e estilo. A sexta geração do Polo é a maior da história, com excelente aproveitamento de espaço.

Simplesmente superior – O Novo Polo tem proporções dinâmicas e uma silhueta bem mais alongada, porque a distância entre-eixos, comprimento externo e largura cresceram, enquanto a altura continuou praticamente a mesma. A equipe de design aproveitou o realinhamento dessas três dimensões para criar um Polo esportivo e totalmente superior. O resultado é um carro compacto com design muito expressivo.

Os benefícios da Estratégia Modular MQB refletem nas dimensões do Novo Polo. Com a maior distância entre-eixos foi possível o deslocamento das rodas mais para as extremidades e, consequentemente, encurtar os balanços, o que dá ao carro uma imagem muito mais esportiva.

A linha do teto está mais longa e mais elegante. Na traseira, ela se une a um defletor no teto. Uma linha fina na lateral da carroceria corre paralela à linha do teto. Ela rebaixa visualmente o centro de gravidade do Novo Polo. Os detalhes fundamentais do modelo incluem sua longa linha de janelas laterais – o Novo Polo é o único Volkswagen que tem uma linha de janelas que termina em ascensão tanto à frente como atrás. A coluna “C”, em particular, que agora alcança mais à frente, torna o estilo do carro mais dinâmico nessa área e dá impressão de que o modelo tem alta performance, mesmo estático.

Feito para o Brasil, inspirado em pessoas – A dianteira do Novo Polo brasileiro é única e foi desenvolvida a partir do resultado de clínicas de opinião com clientes Volkswagen. O resultado foi um estilo próprio, com fortes linhas de caráter. O grande destaque é o vinco que margeia a entrada de ar e corta o espaço entre o conjunto ótico principal e os faróis de neblina. Bem marcada, essa linha de caráter teve como referência o estilo do Volkswagen Arteon e dá ao Novo Polo nacional uma identidade visual diferenciada.

Cada detalhe do Novo Polo foi criado do zero. As grandes superfícies de vidro dos faróis de neblina e indicadores de direção chamam a atenção na lateral do carro. Elas terminam em ângulos com contornos tridimensionais. Entre elas ficam duas entradas de ar: uma em forma de “V” no meio e uma segunda entrada estreita que se alonga por toda a largura. Aqui, mais uma diferença do modelo que será comercializado no Brasil, o Novo Polo produzido na fábrica Anchieta tem visualmente uma “boca” maior do que a do modelo europeu. O contorno da grade inferior do para-choque é maior, alinhando o visual dianteiro do modelo nacional às expectativas dos clientes.

Os faróis e a grade do radiador formam a “cara” do Novo Polo, que se estende por toda a largura do veículo. O para-choque foi desenhado para realçar a largura do veículo e o capô, com contornos bem pronunciados, é maior do que antes.

Linhas laterais inéditas – Uma linha dupla em forma de flecha é a marca registrada no design do Novo Polo. A superfície dessa linha é levemente alargada e termina com um corte afilado para baixo. A linha dupla mais acima começa na coluna “C” e se projeta visualmente para os para-lamas dianteiros. A segunda, mais abaixo, se desenvolve do grafismo 3D das lanternas traseiras e também se estende para a frente nos para-lamas dianteiros, onde sobe ligeiramente, encontrando a linha superior. Essa linha de caráter define o perfil lateral do carro, formando uma forte seção de “ombros” e dando ao Novo Polo uma atitude rebaixada e esportiva.

Vincos marcantes no capô – Eles saem das colunas “A” e correm em forma de “V” para o lado interno dos faróis e da grade do radiador. Adicionalmente a essas linhas, outros dois elementos de estilo correm pelo meio do capô e terminam na grade do radiador. A barra transversal superior da grade é pintada na cor da carroceria e se une às linhas dos faróis à esquerda e à direita. Isto dá ao capô uma aparência visual mais baixa. Ao mesmo, reforça a maior largura do Novo Polo. Os faróis de perfil baixo dão ao carro uma aparência mais concentrada, voltada para a frente. A segunda barra da grade do radiador é cromada e começa nas laterais do logotipo Volkswagen, unindo as linhas cromadas dos faróis. A nova assinatura das luzes de condução diurna em LED – ao lado dos faróis de neblina – também é inconfundível.

Traseira com estilo limpo e equilibrado – O design da traseira do Novo Polo conta com arquitetura limpa e equilibrada. As novas lanternas traseiras trapezoidais têm assinatura luminosa diferenciada. O conjunto ótico forma um “L” invertido, criando uma identidade visual noturna personalizada para o Novo Polo.

Uma linha horizontal sob as lanternas na tampa traseira, que se desloca para o para-choque, reforça a largura do Novo Polo desta perspectiva. O difusor, integrado ao para-choque, traz elementos que evidenciam a esportividade.

Interior revolucionário: bem-vindo ao mundo digital

Pode anotar: um novo design de painel e interior para os modelos compactos da Volkswagen está surgindo com o Novo Polo. O foco do desenvolvimento da cabine foi no contínuo crescimento da digitalização dos mostradores e controles, assim como da conectividade, o que exigiu soluções inéditas. Outra premissa do projeto: dar ao interior do Novo Polo personalidade única.

Uma nova orientação – Os designers fugiram completamente do visual orientado verticalmente do painel das outras gerações do Polo e desenvolvem uma ousada arquitetura horizontal. Como sempre acontece no design interno, essa arquitetura é definida inicialmente pelos módulos usados no painel. No caso do Novo Polo, os designers levaram muito a sério a lógica de que “a forma segue a função”, pois um novo mundo digitalizado estava sendo criado.

A interação entre o painel Active Info Display e os sistemas de infotainment tornou necessárias novas interpretações. A nova arquitetura do painel começa com o objetivo de posicionar o sistema de infotainment muito mais acima do que antes, para poder ficar na linha direta de visão do motorista. Como o display tinha que se unir visualmente aos instrumentos para criar uma “ilha”, também ficou claro que as saídas de ar centrais tinham que ir para baixo. Tudo isso resultou em uma arquitetura para o painel contemporânea, introduzindo uma nova era de digitalização e conectividade na categoria.

Um eixo visual e de controle elevado – Todos os módulos principais – exceto os da unidade do ar-condicionado – foram integrados no painel superior. As saídas de ar laterais são íntegras nas extremidades esquerda e direita. Localizado no meio da “ilha” preta brilhante fica a tela protegida por vidro do sistema de infotainment. O único botão adicional nessa área é o do interruptor do pisca-alerta. À esquerda, a “ilha” em preto brilhante dos controles chega ao nível dos instrumentos. Isso cria uma paisagem coerente para o cockpit digital, especialmente em conjunto com o Active Info Display.

No nível abaixo estão os controles do ar-condicionado. O painel horizontal é levemente inclinado para o motorista no centro. Isso também acontece com o console central, com a empunhadura do câmbio e os botões das várias funções de condução do carro. Uma barbatana cerca a lateral externa direita do console central. O somatório de todas essas ações: um interior esportivo e inovador.

Publicado em

LANÇAMENTO: NEW FIESTA SEDAN 2017 COM CENTRAL MULTIMÍDIA SYNC 3

A Ford anunciou o lançamento da linha 2017 do New Fiesta Sedan, que tem como grande novidade a introdução da central multimídia SYNC 3 com tela de 6,5 polegadas sensível ao toque, compatível com Android Auto e Apple CarPlay. O sedã premium da Ford é disponível em três versões: SEL, Titanium e Titanium Plus, com preço a partir de R$66.490. Toda a linha é equipada com o avançado motor Sigma 1.6 Flex, de 128 cv, com transmissão manual ou transmissão sequencial de seis velocidades.

“O New Fiesta Sedan é conhecido pelo design moderno, excelente dirigibilidade e alto nível de tecnologia embarcada. Agora, ficou ainda mais sofisticado para atender uma nova geração de consumidores exigentes e conectados”, diz Fernando Pfeiffer, gerente de Produto da Ford.

Na versão SEL, o New Fiesta Sedan 2017 traz como novidade as rodas de liga leve de 15” com pneus 195/55 R15, que dão um estilo mais esportivo ao veículo. Completo, o modelo já vem de série com: ar-condicionado digital, direção elétrica, travas, vidros e retrovisores elétricos, alarme volumétrico, sensor de ré, controle eletrônico de estabilidade e tração (AdvanceTrac), assistente de partida em rampa, computador de bordo e faróis de neblina.

Conta ainda com sistema Isofix para fixação de cadeiras infantis, chave de segurança MyKey, aviso sonoro de faróis acesos, faróis com temporizador (“Follow me home”) e luzes de emergência em frenagens bruscas, além de airbag duplo e freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem (EBD). O seu preço é R$66.490 com transmissão manual e R$72.290 com transmissão sequencial de seis velocidades.

Versão Titanium

A versão Titanium acrescenta sete airbags (frontais, laterais, de cortina e joelho para o motorista), SYNC 3 com tela sensível ao toque de 6,5″, câmera de ré, chave com sensor de presença para acesso inteligente e partida sem chave (Ford Power), acendimento automáticos dos faróis, controle automático de velocidade, sensor de chuva e espelho retrovisor eletrocrômico.

Inovador e exclusivo da Ford, o sistema multimídia SYNC 3 permite uma interação intuitiva com o veículo por comandos de voz ou direto na tela. Compatível com Android Auto e Apple Carplay, vem com conexão Bluetooth, som Sony Premium e oito alto-falantes. Seu sistema de navegação permite projetar o Waze na tela usando smartphones com sistema Android Auto, além da opção de acessar os mapas salvos na memória interna.

O New Fiesta Sedan Titanium também vem com banco e volante de couro, rodas de liga leve de 16” com pneus 195/50 R16, grade dianteira cromada e luz ambiente com personalização em sete cores, por R$78.690. A versão Titanium Plus acrescenta teto solar elétrico, por R$80.890.

A linha é disponível nas cores perolizadas vermelho Vermont, preto Astúrias e cinza Moscou, na metálica prata Dublin e na sólida branco ártico.

Publicado em

Prisma 2018 traz novidades em todas versões

Prisma 2018 traz novidades em todas versões

A Chevrolet é a marca que mais emplaca sedãs no Brasil. Além disso, registrou aumento nos emplacamentos frente ao primeiro quadrimestre do ano passado, ampliando a vantagem diante da empresa vice-líder – reflexo da boa aceitação dos novos Cruze Turbo, Cobalt e Prisma nos respectivos segmentos de mercado em que atuam.

O sedã compacto Prisma, alías, acaba de estrear sua linha 2018 com novidades em todas suas versões de acabamento: Joy, LT e LTZ.

O modelo de entrada Joy (1.0) passa a ser comercializado apenas na configuração Conforto, que soma trava elétrica das portas e alarme antifurto à lista composta por ar-condicionado, direção elétrica, painel com velocímetro digital e conta-giros, cinto do motorista com regulagem de altura, sistema de monitoramento da pressão dos pneus, vidros dianteiros elétricos, duplo air bag, freios ABS com sistema de distribuição de frenagem, entre outros.

Já a versão intermediária LT (1.4) e a versão de luxo LTZ (1.4) do Novo Prisma ganham uma nova opção cor para a carroceria: o Imperial Blue, um tom escuro de azul. Outra novidade é a luz de neblina na parte inferior do para-choque traseiro.

“O Prisma é um carro bastante equipado para sua faixa de preço, com destaque para a oferta de itens de conectividade e de segurança exclusivos no segmento”, destaca Hermann Mahnke, diretor de Marketing da Chevrolet.

A linha 2018 do sedã traz também novo posicionamento dos logos de identificação do nome do carro e da versão na base da tampa traseira.

A partir de agora, o nome do carro fica na esquerda, e o da versão, na direita. Essa mudança segue o padrão global da Chevrolet.

Prisma é o sedã flex mais econômico do mercado

Design moderno, amplo espaço interno e variada oferta de equipamentos fazem parte das principais virtudes do Prisma, assim como a elevada eficiência energética.

De acordo com dados do Inmetro, o modelo da Chevrolet é o sedã flex mais econômico do país, percorrendo média de 15,6 km por litro de gasolina na estrada, cerca de 10% melhor que o principal rival.

Observa-se ainda que mesmo a opção de motorização mais potente do Prisma entrega performance surpreendente.

Publicado em

Volkswagen up! e Golf Variant conquistam pelo segundo ano consecutivo o prêmio “Compra do Ano 2017”

O Volkswagen up! e o Golf Variant foram considerados a “Compra do Ano 2017” em suas respectivas categorias pela Revista Motor Show pelo segundo ano consecutivo. O up! conquistou o primeiro e o segundo lugares entre os “Subcompactos”: a versão TSI obteve 645 pontos (de 1000 possíveis) e a MPI somou 595 pontos. O Golf Variant foi eleito o melhor no segmento de “Monovolume/Station Wagon” com 765 pontos, conquistando a segunda maior pontuação de todo o levantamento, que na edição desse ano considerou 261 modelos em 18 categorias.

Assim como no ano passado, o up! TSI venceu com ampla vantagem a categoria “Subcompactos” (hatches até 3,65 metros de comprimento) por oferecer prazer ao dirigir, segundo a revista. O modelo se destacou nos quesitos motor, peso/potência, dirigibilidade, baixo consumo de combustível e porta-malas. O up! com motor 1.0 MPI, disponível para as versões take up! e move up!, ficou em segundo lugar, sendo elogiado praticamente pelos mesmos atributos do modelo TSI, além da ótima relação custo-benefício.

De acordo com a Motor Show, o Golf Variant também faturou o bicampeonato em sua categoria por ser bem equipado, eficiente e agradável de ser conduzido. A configuração familiar do Golf apresenta as mesmas características de dirigibilidade do hatch médio, o que é uma ótima notícia, segundo a revista. O Golf Variant foi elogiado também nos quesitos porta-malas e preços de revisões.

Na edição “Compra do Ano 2017” a Revista Motor Show considerou todos os veículos à venda no Brasil com versões de entrada de até R$ 250 mil e os analisou em dez quesitos: três relacionados ao pós-vendas (desvalorização, garantia e revisões), cinco técnicos (motor, relação peso/potência, consumo de combustível, equipamentos de série e porta-malas), um temporal (idade do projeto) e um subjetivo (dirigibilidade, cujas notas são decididas em consenso pelos jornalistas da revista).

Publicado em

Campanha do Instituto Renault orienta a não tirar selfies ao volante

Em apoio ao movimento Maio Amarelo, o Instituto Renault lança, neste domingo, uma campanha de conscientização sobre o perigo de tirar selfies na direção. Hábito comum na atualidade, a prática contribui para a perda de atenção do motorista nas condições de trânsito, podendo ser causa de acidentes. A campanha estreia neste domingo nas redes sociais da Renault (facebook.com/renaultbrasil e instagram: @renaultbrasil) e permanece durante todo o mês, que também será marcado por uma série de outras ações da marca em nome da segurança no trânsito – um dos eixos de atuação do Instituto.

“Mais uma vez, colocamos em pauta um tema atual e importante para conscientizar as pessoas sobre a necessidade de todos os que fazem parte do trânsito – seja a bordo de um carro ou não – contribuam para que tenhamos condições mais humanas e seguras nas ruas e estradas do Brasil”, afirma Caique Ferreira, vice-presidente do Instituto Renault e diretor de Comunicação da marca.

Dirigindo “que nem mulher”

Esta é a segunda campanha de conscientização no trânsito realizada neste ano pelo Instituto Renault nas redes sociais. No Dia Internacional da Mulher, a atriz Marina Ruy Barbosa e o ator Bruno Gagliasso ajudaram a quebrar o mito de que os homens dirigem melhor que as condutoras do sexo feminino. Composta por três vídeos com informações que comprovam que dirigir como uma mulher é um grande elogio, a campanha contou com o apelo dos atores para convidar o internauta a utilizar a hashtag #eudirijoquenemmulher. Somente nas redes sociais, os vídeos tiveram mais de 2 milhões de visualizações.

Maio Amarelo

O Movimento Maio Amarelo tem a proposta de chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo. O objetivo do movimento é uma ação coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil, para colocar em pauta o tema da segurança viária e mobilizar a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada para discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas.

Instituto Renault

Criado há seis anos, o Instituto Renault tem como objetivo promover ações voltadas à sustentabilidade socioambiental, atuando em três eixos: Capital Humano, voltado ao Desenvolvimento Social, à Educação e à Diversidade; Meio Ambiente, promovendo a sustentabilidade ambiental; e Educação para Segurança no Trânsito, que tem como destaque o projeto “O Trânsito e Eu”. Cerca de 500 mil pessoas já foram impactadas pelas ações do Instituto. Mais informações em www.institutorenault.com.br.

Publicado em

Fiat lança linha UNO 2018

O Fiat Uno vem inovando e apresentando inéditas soluções em seu segmento ao longos dos últimos anos. Atualmente é um dos carros mais completos e seguros frente aos seus concorrentes diretos, se destacando também pela excelente dirigibilidade e conforto a bordo. Em 2016 além da renovação no design, deu um importante salto tecnológico com foco em eficiência e desempenho, na qual destaca-se a nova família de motores Firefly. Se posicionando entre os melhores da categoria, com níveis inéditos em baixo consumo de combustível aliado a alto desempenho já em baixas rotações do motor.

Agora o Fiat Uno acaba de ganhar sua linha 2018, que continua evoluindo e trazendo mais novidades. Mantendo uma gama bem versátil de versões, que atendem vários tipos de gostos, necessidades e bolsos, privilegiando o excelente custo benefício em todas as suas configurações.

Entre os destaques do modelo, a nova geração do câmbio automatizado, que está presente no Uno desde sua linha 2017, passa a se chamar GSR-Comfort, como no Fiat Mobi.

Esta nova denominação reforça todo o ganho em conforto e estabilidade alcançados em sua última geração. Ela esta presente nas versões do modelo com o motor Firefly 1.3, oferecendo ainda mais suavidade e prazer na condução, principalmente em situações de trânsito intenso, o que reforça a vocação de um carro urbano e versátil.

A nova linha 2018 do Fiat Uno também amplia seu pacote tecnológico com mais uma novidade para todas as suas versões: ganha o ITPMS (Indirect tyre pressure monitoring system – sistema de monitoramento da pressão dos pneus), que detecta automaticamente quando há uma pressão inadequada em um ou mais pneus após última calibragem.

Através do quadro de instrumentos em TFT, o sistema alerta o condutor, informando a necessidade de verificação da pressão dos pneus. O que ajuda muito em:

  • Segurança. Evita acidentes causados por perda de pressão nos pneus. Sistema informa pelo quadro de instrumentos a necessidade de calibração da pressão dos pneus.
  • Manutenção. Evita o desgaste prematuro dos pneus, aumentando a vida útil sem necessidade de trocas antecipadas.
  • Economia. Evita o aumento no consumo de combustível causado pela perda de pressão nos pneus, auxiliando a máxima eficiência e baixo consumo dos modernos motores Firefly.

Pelo alto nível de conteúdos e por ser muito bem equipado, como, por exemplo, direção elétrica com função CITY, ITPMS, Hill Holder, controle de estabilidade e tração, câmbio GSR acionado por botões, Paddle Shift, tecla Sport, Start&Stop, entre outras funções, as versões do Fiat Uno possuem um alto valor percebido, posicionando o modelo acima de seus concorrentes em tecnologia e inovação.

Além dos conteúdos de fábrica, o Fiat Uno 2018 ainda por ser equipado com mais de 160 itens presentes na linha de acessórios Mopar, como central multimidia com tela touchscreem de 6,2”, alarme, kit parafusos anti roubo, retrovisor interno com câmera de ré, e muito mais.

A Mopar Vehicle Protection ainda oferece, além da assistência 24H, a possibilidade de contratação de uma extensão de garantia e plano de revisão, podendo adicionar às parcelas no financiamento do carro.

Confira abaixo a nova gama do Uno 2018, que chega bem completa desde a sua versão de entrada, que passa a ser chamar Drive, e os preços de cada versão:

Drive 1.0 – R$ 42.980

Way 1.0 – R$ 44.150

Way 1.3 – R$ 49.120

Way 1.3 GSR – R$ 53.630

Sporting 1.3 – R$ 51.080

Sporting 1.3 GSR – R$ 55.580

Fonte: Fiat

Publicado em

Volkswagen lança Saveiro 2018 Robust Cabine Dupla

A Volkswagen do Brasil está apresentando a Saveiro Robust Cabine Dupla. Voltada para o trabalho, a nova oferta chega ao mercado como parte da linha 2018 da picape – a mais segura e tecnológica do segmento. Mais comodidade e flexibilidade de uso são aliados às consagradas características da Saveiro: robustez, confiabilidade e design imponente.
Com a versão Robust Cabine Dupla, a picape Volkswagen passa a contar com uma opção mais acessível para os clientes que buscam ampla caçamba e capacidade para cinco ocupantes – exclusividade da Saveiro no segmento.

A Saveiro Robust Cabine Dupla traz de série itens como protetor de caçamba, banco do motorista com ajuste de altura, indicador de troca de marcha, para-sol com espelho para motorista e passageiro, rack e barra de proteção para apoio de carga no teto e rodas de aço de 15 polegadas com pneus 205/60 R15.

Também há desembaçador do vidro (vigia) traseiro, grade protetora do vigia traseiro, tomada de 12V no console central e na lateral direita do banco traseiro, três apoios de cabeça para o banco traseiro – com cintos de segurança retráteis de três pontos (inclusive o central traseiro) –, porta-objetos nas laterais das portas e porta-revistas atrás dos bancos dianteiros.

Como opcional é oferecido o pacote Robust, composto por ar-condicionado, direção hidráulica, vidros e travas elétricos e chave “canivete”.

A Saveiro Robust Cabine Dupla é oferecida em seis opções de cores: três sólidas (Branco Cristal, Vermelho Flash e Preto Ninja) e três metálicas (Prata Sírius, Cinza Platinum e Azul Night).

Visual de trabalho

Com foco na relação custo-benefício, a Saveiro Robust teve seu visual pensado para um veículo de uso predominantemente profissional. Assim como a versão de cabine simples, a Robust Cabine Dupla tem visual que utiliza elementos mais rústicos, como os faróis com detalhes pretos, acompanhando a grade e o para-choque, que também são nessa cor.

A parte traseira traz a mesma linguagem de estilo, com predominância de elementos pretos para tampa, lanternas e para-choques. Nas laterais, os apliques pretos nos arcos de roda protegem essa região do impacto de pedras, por exemplo.

Capacidade exclusiva

Somente a Saveiro Cabine Dupla é capaz, em seu segmento, de acomodar cinco ocupantes. Esse é um de seus grandes diferenciais. O segredo para isso está no teto da picape, que é elevado em relação às demais configurações da linha.

Por exemplo, a versão Trendline Cabine Dupla tem 1,56 metro de altura (4 cm a mais do que a Saveiro Trendline Cabine Estendida). São 4,47 metros de comprimento e 1,71 metro de largura (sem espelhos retrovisores).

O habitáculo da Saveiro Cabine Dupla conta com 1.339 mm de espaço para os ombros – 79 mm a mais do que o principal concorrente. O espaço interno para a cabeça também é um diferencial no segmento: a Saveiro Cabine Dupla tem 1.009 mm no banco dianteiro (23 mm a mais do que a Saveiro Cabine Estendida) e 945 mm de espaço para a cabeça no banco traseiro.

A picape Volkswagen oferece também mais espaço para as pernas entre o banco traseiro e dianteiro, superando o modelo concorrente.

Ainda na cabine, destaque para a posição mais elevada do assento traseiro (ponto “H”). Essa altura adicional (95 mm) em relação aos bancos da frente favorece a ergonomia dos passageiros traseiros e melhora a visibilidade de quem está sentado no banco de trás, que conta com um apoia-braço de cada lado.

Há também dois porta-garrafas de até 500 ml, um de cada lado (comodidade que só a picape Volkswagen oferece na categoria), uma saída de 12V adicional e, entre os bancos dianteiros, um porta-lata.

Assim como a ampla área envidraçada, outro destaque da Saveiro Cabine Dupla é a circulação de ar dentro da cabine. Os vidros laterais traseiros são basculantes, uma exclusividade da picape Volkswagen na categoria. Outro recurso que contribui para segurança é o desembaçador do vidro traseiro, também inédito no segmento.

A Saveiro Robust Cabine Dupla oferece a robustez de um veículo de carga com a dirigibilidade de um automóvel de passageiro. A suspensão dianteira independente, tipo McPherson, é formada por molas helicoidais com barra estabilizadora, desenhada para um carro de passeio.

A suspensão traseira é formada por um eixo interdependente com braços longitudinais e molas “super progressivas”, que conferem excelente estabilidade e conforto em qualquer condição de uso.

Todas as versões da configuração Cabine Dupla têm distância entre-eixos de 2,75 metros e caçamba capaz de acomodar 580 litros. Por falar em capacidades, a Saveiro Cabine Dupla tem o maior comprimento livre da categoria, oferecendo uma caçamba com comprimento de 1.106 mm no assoalho – medida 17% maior do que o principal concorrente.

Outro diferencial no segmento é o local de instalação do pneu sobressalente (estepe), que fica embaixo da parte traseira do veículo, deixando a caçamba livre para o transporte de carga.

Motor 1.6l Total Flex de 104 cv – Confiabilidade e robustez

A Saveiro Robust Cabine Dupla é equipada com o motor 1.6l Total Flex, da família EA111. Com 1.598 cm³ de cilindrada, quatro cilindros em linha e duas válvulas por cilindros, o consagrado motor proporciona excelentes números de desempenho. O câmbio manual de cinco marchas (MQ200) é referência da categoria, com engates precisos e eficientes.

Com motor 1.6 de 104 cv, a Saveiro Cabine Dupla é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 10,9 segundos (etanol) e 11,2 segundos (gasolina). A velocidade máxima é de 172 km/h (etanol) e 170 km/h (gasolina).

Linha 2018

A versão Robust Cabine Dupla é uma das novidades da linha 2018 da Saveiro, que é oferecida em sete opções – Robust cabines simples e dupla, Trendline (cabines simples ou dupla), Highline (cabine dupla) e Cross (cabines estendida ou dupla). A Saveiro ganhou nova estrutura de oferta, mais simples e lógica, além de novos equipamentos.

A versão Robust Cabine Simples, assim como ocorre com a Cabine Dupla, passa a oferecer exclusivamente um pacote opcional – Robust completo, composto por ar-condicionado, direção hidráulica, vidros e travas elétricos e chave “canivete”.

A versão Trendline, disponível nas carrocerias de cabine simples e dupla, teve incremento nos itens de série, o que torna a versão mais atraente. Passa a vir de fábrica equipada com ar-condicionado, sistema de infotainment “Media Plus”, suporte para celular com entrada USB no painel, travas e retrovisores elétricos, chave tipo “canivete” com sistema de alarme “keyless” e espelhos retrovisores e maçanetas pintados na cor do veículo e faróis com função “Coming & Leaving home”, entre outros.

Como opcional, a Saveiro Trendline passa a oferecer o pacote Trendline Completo, composto por rodas de liga leve de 15 polegadas, sistema de infotainment “Composition Touch”, coluna de direção com ajuste de altura e distância, volante multifuncional, capota marítima e sensor traseiro de estacionamento, além de faróis e lanternas de neblina, faróis duplos e janela traseira corrediça.

A Saveiro Highline agora traz de série o suporte para celular com entrada USB no topo no painel. São três agora os seus pacotes opcionais: sistema de infotainment “Composition Touch”; módulo navegação; Highline completo – composto por revestimento dos bancos em couro sintético Native, capota marítima, ganchos para armação de carga, rodas de liga leve de 15 polegadas, sensor de estacionamento e tapetes de carpete.

A Saveiro Cross também passa a trazer o suporte para celular com entrada USB no topo do painel. São dois os seus pacotes de opcionais: módulo navegação e Cross completo, com os itens: espelho retrovisor interno antiofuscante,  controlador de cruzeiro (“piloto automático”), sensores de chuva e crepuscular, revestimento dos bancos em couro sintético Native, tapetes de carpete e sensor de estacionamento dianteiro.

A versão Cross é equipada com o motor 1.6 MSI, da família EA211, de até 120 cv. O restante da linha traz o consagrado motor 1.6 MSI, de até 104 cv. Combinado a ambos os motores está o câmbio manual de cinco marchas MQ200-5F, reconhecido por sua precisão de funcionamento.

Publicado em

Chevrolet lança S10 Flex automática

A Chevrolet prepara uma inédita configuração da Nova S10 Flex. A picape, que já traz o motor mais potente e moderno da categoria, ganhará opção de transmissão automática. A novidade chega às concessionárias da marca em breve.

A primeira aparição estática da S10 Flex automática está programada para acontecer no Espaço Chevrolet na Tecnoshow, umas das principais feiras rurais do Brasil. O evento acontece de 3 a 7 de abril, em Rio Verde (GO).

Fonte: Chevrolet

Publicado em

Golf é o veículo mais seguro produzido no Brasil

Golf é o veículo mais seguro produzido no Brasil

O Volkswagen Golf é o mais seguro veículo fabricado no Brasil, de acordo com novos testes realizados pelo Latin NCAP. Os resultados foram divulgados nesta quarta-feira, 15 de março. Após essa nova rodada de testes, o modelo produzido em São José dos Pinhais (PR) atingiu a pontuação mais alta entre todos os veículos avaliados pelo Latin NCAP, de acordo com a nova metodologia de avaliação, e obteve cinco estrelas na proteção para adultos e crianças, além do prêmio Latin NCAP Advanced por oferecer o recurso de segurança Front Assist.

Dessa forma, o Golf repetiu o excelente resultado obtido pela versão fabricada no México, testada em 2014 (e que também havia mantido as cinco estrelas para adultos e crianças do modelo alemão) – o hatch Volkswagen foi o primeiro carro a receber a classificação máxima no Latin NCAP.

Os testes do Latin NCAP incluem análise de impacto frontal – a 64 km/h contra uma barreira deformável descentrada (40%) –, impacto lateral (contra uma barreira deformável montada em um trenó a 50 km/h contra o veículo) e impacto lateral contra poste – o veículo é lançado lateralmente a 29 km/h em direção a um poste.

A classificação da proteção infantil é oferecida por meio da avaliação do comportamento dinâmico dos sistemas de retenção infantil (as “cadeirinhas de criança”) nos testes frontal e lateral, além da facilidade e segurança na instalação desses dispositivos.

O Golf traz de série conteúdo de itens de segurança de alto nível, compreendendo a robusta estrutura da carroceria, sete airbags, uma combinação de cintos de segurança de última geração, controle de tração e sistema ISOFIX de fixação para “cadeirinhas” infantis.

Prêmio Advanced para Front Assist

Além de obter a classificação máxima na proteção para adultos e crianças, o Volkswagen Golf recebeu também o prêmio Latin NCAP Advanced por oferecer o sistema de monitoramento frontal “Front Assist”. Esse reconhecimento é oferecido desde 2016 pelo Latin NCAP aos modelos “5 estrelas” que dispõem de tecnologias para prevenção de acidentes e mitigação de lesões a pedestres como item opcional ou de série.

O Front Assist funciona com um sensor de radar integrado à frente do veículo, que monitora permanentemente a distância do tráfego à frente. O Front Assist ajuda o motorista em situações críticas pré-condicionando o sistema de freios e alertando o condutor por meio de sinais visual ou sonoro quando for necessária uma reação. Caso o motorista não freie forte o suficiente, o sistema automaticamente gera força de frenagem para tentar evitar uma colisão.

O Front Assist diminui a velocidade do carro de forma que, em condições ideais, as consequências de um possível impacto sejam minimizadas. A função City Emergency Brake (frenagem urbana de emergência) faz parte do Front Assist.

Se for necessário, essa função inicia a aplicação total dos freios para diminuir a gravidade do impacto. Além disso, se o motorista deixar de pressionar o pedal do freio de forma suficiente, o sistema irá ajudar gerando o máximo de força de frenagem.

Sobre o Latin NCAP

O Latin NCAP (New Car Assessment Program) é um programa independente de avaliação de carros novos para a América Latina e Caribe. Em parceria com organizações internacionais como Global NCAP, FIA (Federation Internationale de l’Automobile), FIA Foundation e ICRT (International Consumer Research & Testing), o Latin NCAP tem como objetivo oferecer aos consumidores da América Latina e Caribe as avaliações independentes e imparciais de segurança dos carros novos, divulgando os resultados de acordo com os protocolos vigentes durante a avaliação.

Desde 2010, o Latin NCAP (New Car Assessment Programme – programa de avaliação de carros novos) é visto como uma importante referência em relação à segurança de veículos na América Latina.

Publicado em

Motor Volkswagen TSI: Desempenho e economia de combustível

Motor Volkswagen TSI: Desempenho e economia de combustível

Disponível em mais da metade do portfólio da Volkswagen no Brasil, do up! ao Novo Passat, a tecnologia TSI permite motores compactos, de alta potência e que consomem menos combustível – o chamado downsizing.

A tecnologia TSI é oferecida em duas famílias de motores. A EA211 (com 1 litro e 1,4 litro de cilindrada e potência entre 105 cv e 150 cv) está nos modelos up!, Golf, Golf Variant, Jetta e Tiguan. A família EA888 (2 litros de cilindrada e potência entre 200 cv e 220 cv) equipa os modelos Jetta, Tiguan, Fusca, CC, Golf GTI e Novo Passat.

Essa eficiência em combinar performance com prazer ao dirigir e baixo consumo é demonstrada em números. Em economia – entre os modelos equipados com motores com injeção direta de combustível e turbocompressor participantes do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV) do INMETRO (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), os Volkswagen estão entre os melhores em consumo energético (MJ/km).

O compacto up! TSI é o líder, com apenas 1,44 MJ/km e classificação “A” – a mesma obtida pelo médio Golf TSI, que registra 1,66 MJ/km. O Jetta, um sedã médio classificado como modelo grande no PBEV, registra 1,76 MJ/km na versão com o motor 1.4 TSI.

Em quilometragem por litro de combustível, isso significa que o up! TSI é capaz de percorrer até 16,1 km/l na estrada, quando abastecido com gasolina. Na cidade, o Jetta 1.4 TSI roda até 11,3 km/l, também com gasolina. Os números foram obtidos conforme NBR 7024, corrigidos pela Portaria INMETRO nº 10/2012.

A eficiência também é demonstrada em desempenho – todos os modelos equipados com motor TSI aceleram de 0 a 100 km/h em menos de 10 segundos. O up! TSI cumpre essa tarefa em 9,1 segundos; o Jetta 1.4 TSI, em 8,6 segundos. O Passat, sedã de luxo com 4,78 metros de comprimento, acelera de 0 a 100 km/h em apenas 6,7 segundos.

Diferentes elementos combinados

Essa fórmula de sucesso é composta por diferentes elementos. O primeiro deles é um motor pequeno, que é mais eficiente por desperdiçar menos energia em atrito; também é mais leve, o que colabora para a redução de peso total do carro.

O motor 1.0 TSI Total Flex que equipa o up! e o Golf, por exemplo, é cerca de 10 kg mais leve do que os equivalentes de quatro cilindros, graças à utilização de bloco ultra-rígido feito de alumínio leve fundido sob pressão (peso: 13,5 kg) e sua construção compacta com três cilindros em vez de quatro.

Injeção direta: fundamento da tecnologia TSI. A tecnologia TSI está baseada na injeção direta de combustível. Por meio desse sistema, o combustível é injetado sob alta pressão diretamente na câmara de combustão.

Em comparação com o sistema de injeção convencional, realizado no coletor de admissão, a injeção direta possui as vantagens de ser mais precisa e de não depender dos tempos de abertura das válvulas, injetando a quantidade exata de combustível em todas as condições de uso.

A injeção por alta pressão permite maior pulverização do combustível, o que melhora a combustão e colabora para menor consumo – também permite que motores flexíveis em combustível (que podem ser abastecidos com etanol, gasolina ou qualquer combinação dos dois) dispensem sistema auxiliar para partida a frio.

Turbocompressor. Também chamado de “turbo”, o turbocompressor aumenta a massa de ar admitida pelo motor para seu funcionamento ao comprimir esse ar. Ao se utilizar turbocompressor, parâmetros como potência, torque e eficiência são aumentados significativamente em comparação a um motor de mesma cilindrada com aspiração natural.

Além de aumentar a potência, o turbocompressor tem a função de poupar energia e gerar mais força – ele aproveita gases de escapamento que seriam descartados, colaborando para reduzir emissões.

O turbocompressor é formado por duas câmaras metálicas com aspecto de caracol (volutas): uma ligada ao sistema de escape e a outra ao sistema de admissão do motor. Dentro das câmaras, unidas por um eixo, estão, de um lado, uma turbina e, do outro, o compressor. O rotor da turbina, que trabalha em condições de alta temperatura, é feita de material especial que oferece elevadas resistência e estabilidade dimensional em todas as condições de trabalho.

A turbina é movimentada em altíssima velocidade pelo fluxo de gases de escape e transfere esse movimento ao compressor, que comprime o fluxo de ar fresco. Esse ar é então resfriado pelo intercooler. O ar mais frio é mais denso, ocupa menos espaço e por isso pode ser enviado em maior massa para dentro dos cilindros, melhorando o rendimento volumétrico e reduzindo as condições em que ocorreria pré-detonação (“batidas de pino”) no motor.

Válvula wastegate. A válvula wastegate (ou válvula de passagem) é o “acelerador” do turbo, controlando a passagem dos gases de escape pela turbina. Controlada eletronicamente pela unidade eletrônica de controle do motor (ECU), a válvula wastegate deve ser fechada em baixos regimes de rotação de modo a permitir ao turbocompressor receber toda a corrente de gases de escapamento (que atingem altas temperaturas), o que assegura formação de torque consistente.

Para reduzir as perdas no processo de mudança de carga, quando o motor estiver operando em carga parcial, a contrapressão de escapamento pode ser reduzida ao se abrir totalmente a válvula wastegate.

Torque em baixas rotações, potência em altas

Os motores TSI são projetados para entregar o máximo torque a partir de baixas rotações, melhorando sensivelmente a rapidez de resposta. A aceleração é instantânea, o que torna mais seguras manobras como ultrapassagens.

Em todos o torque máximo está disponível na faixa de 1.500 rpm a 2.000 rpm. O efeito dessa característica é ter muita força disponível ainda que rodando suavemente na estrada, sem o chamado “retardo de atuação” (lag), o que dá muito mais prazer ao dirigir. Também colabora para a redução do consumo de combustível.

Por outro lado, a potência é entregue em altas rotações, acima de 5.000 rpm. A combinação de torque abundante em baixos giros e de muita potência em “alta” resulta em motores elásticos, sempre dispostos a responder aos comandos do acelerador.